10 casos de assédio sexual no cinema e na TV

“A força não pode tudo. E a violência não pode tornar não vista uma coisa que foi vista.” Brecht

Ao receber o prêmio de melhor atriz no Oscar por sua atuação em “Três Anúncios Para um Crime”, Frances McDormand discursou em favor da “inclusion rider”, uma cláusula de contrato existente nos Estados Unidos que pode ser exigida por atrizes e atores para que sets, filmes e seriados tenham representatividade próxima a uma equidade racial e de gênero. Meses antes, o Globo de Ouro havia sido palco de um protesto inédito, quando atrizes como Meryl Streep, Emma Stone e Elisabeth Moss compareceram de preto para demonstrar sua indignação contra os atos de abuso sexual cometidos por atores, diretores e produtores. Embora tenham ganhado vulto e repercussão principalmente a partir do movimento #MeToo, os casos de denúncias de assédio no cinema não vêm de hoje, e abarcam diferentes gerações, assim como nacionalidades. As consequências também variam, indo da condenação à impunidade. Veja na lista abaixo alguns dos casos mais conhecidos.