6 hits bombados da música brasileira

“O único sucesso está no fracasso.” Eugene O’Neill

Ninguém recusa o sucesso. Ou, talvez, seja melhor dizer que poucos perseguem o fracasso. Mas é difícil saber o que vai dar certo antes de o tiro acertar o alvo. Foi o que aconteceu, por exemplo, em 1936, quando Francisco Alves e Carlos Galhardo, na época os maiores cantores do rádio, não quiseram dar voz a “Rosa”, de Pixinguinha, e certamente se arrependeram um ano depois, com o estouro de Orlando Silva, que eternizou os versos rebuscados escritos pelo mecânico Otávio de Souza: “tu és divina e graciosa, estátua majestosa…”. Como “a história se repete como farsa”, assim disse o comunista Karl Marx, o episódio voltou a acontecer em 2018, envolvendo dois músicos de Minas Gerais.

Gusttavo Lima, nascido em Presidente Olegário, foi o primeiro a cantar a música sobre uma garota descoberta no Tinder (aplicativo de relacionamentos). E ficou nisso. Sem o registro do sertanejo, a música teve que achar uma nova boca para ganhar vida e atingir os ouvidos e o coração do público. O que a minoria sabe é que antes de Gabriel Diniz carregar no colo a canção “Jenifer”, recordista de execuções no ano passado, ela foi gestada por um time de oito compositores, entre eles o belo-horizontino Junior Avellar, criado no interior do Estado, em Santo Antônio do Amparo. Confira abaixo uma lista com esse e outros hits bombados da música brasileira.